Já cansei de ouvir caretas dizerem que o usuário de maconha financia a violência do tráfico, ou o argumento vegetariano e vegano que prospecta os maus-tratos aos animais como agente condicionante da dieta. Nessas e outras ocasiões costumo lembrar que pouca gente se incomoda com as condições quase escravistas e a poluição desenfreada gerada pelo consumo da maioria absoluta dos produtos vendidos no mercado. Será que a China é tão distante assim para nos provocar qualquer empatia? As fotos abaixo mostram o preço que você (ainda) não está pagando pelo seu iPhone:

– – –

Idea Fixa levantando poeira.


 

2 comentários