Vocês já conhecem o Tim Minchin da música de amor mais sincera de todas os tempos, mas pesquisando mais sobre a vida do músicomediante (esse termo existe?) encontrei a obra prima em tempo de escândalos religiosos.

Acho que depois dessa ele não vai mais para o céu. Não o dos católicos.


 

1 comentário