Como eu já disse por aqui algumas vezes, mesmo os gênios criativos podem cair na tentação de reproduzir um belo conteúdo alheio. A bola da vez é o muso do humor neocontemporâneo brasileiro, Marcelo Adnet, que estaria assistindo desenho animado demais:

O KIBE:


 

A ESFIRRA:


 

Só nos resta saber até que ponto a omissão da fonte compromete a homenagem.

– – –

Paranóia do Nhock.


 

19 comentários