Se você viaja nas imagens de Baraka, absorve a delicadeza exalada pelo modo de vida da querida Amelie Poulain e sabe que o Laranja Mecânica vai muito mais além do que vandalismo ao som de música clássica com certeza vai entender a poesia por que este vídeo carrega:


 

Caso você tenha uma explicação, favor compartilhar nos comentários.

– – –

Quem tem o Tatalluga não precisa de óculos escuros.


 

5 comentários