Depois do fracasso da “cura gay” chega no mercado a “cura homofóbica”:

 

 


 

4 comentários