ATENÇÃO, leitora: este é um post escrito exclusivamente para os internautas do sexo masculino. Conversa de homem. Clique ali em cima na setinha ao lado do título para ocultar esta postagem e vá ler o resto do blog. Ou se preferir ocupe-se indo buscar uma cerveja gelada para o macho mais próximo.

Não está convencida a desistir de ler? Imaginei. Sabendo que a curiosidade feminina é algo que transcende as barreiras do socialmente recomendado, trato de avisar às mocinhas insistentes que:

a) o enfoque dos assuntos a serem abordados abaixo é completamente desinteressante para a maioria absoluta das mulheres;

b) existe a possibilidade de você se identificar com alguma das situações descritas, e pretender usar o debate como um subterfúgio para discutir a relação com o seu namorado, irritando-o e fazendo-o te dar um pé na bunda;

c) iremos ilustrar nosso texto com algumas imagens cuja essência artística só é compreensível ao processo cognitivo/sináptico do cérebro masculino – aquele que tem 4 bilhões de neurônios a mais (comprovado cientificamente).

Por exemplo:

tpm01

Observem a complexidade sinestésica da figura! Atentem para a vibração das cores!

Bom, acredito que a essa altura eu esteja escrevendo somente para leitores com cromossomo “Y”. Ainda que a companhia das moças seja aprazível em quase todas as circunstâncias, vamos mantê-las fora dessa conversa para não ser desejável o uso inconsentido da mordaça.

Na verdade, o que acontece é que nós iremos promover aqui a PORNOGRAFIA CONSCIENTE, e pornografia não é algo para ser debatido com mulheres. O ideal, nesses casos, é mantê-las com a boca ocupada.

Não, não vamos fazer campanha contra a pedofilia, ou a zoofilia, ou qualquer aberração similar que infelizmente contaminam algumas páginas subterrâneas dessa internet de meu Deus. Também não falaremos sobre a questão da L.E.R., Lesão por Esforço Repetitivo, sobre a importância de acompanhamento médico e fisioterapêutico, ou qualquer outro assunto que venha a fomentar o velho debate sobre a punheta com responsabilidade social. São todos temas ultrapassados.

O ponto principal de hoje é sobre a propaganda enganosa. Especificamente sobre a irresponsabilidade de sites tidos como “meros estabelecimentos virtuais de lazer masculino” ao publicarem centenas de milhares de fotos de mulheres em poses sensuais e provocantes sem a devida advertência dos males intrínsecos ao produto ou de seus defeitos de fabricação. Um absudo:

tpm02

Tudo que é embriagante quase sempre provoca ressaca

Trata-se de mera questão de coerência: se à publicidade de cigarros e bebidas é imposto algum tipo de advertência, como “FAZ MAL À SAÚDE” ou “APRECIE COM MODERAÇÃO”, entendemos por certo que a exibição de figuras ilustrativas que favoreçam o produto feminino – em especial na pornografia – deveria vir acompanhada de uma visível mensagem de admoestação, como abaixo:

tpm03

Propaganda governamental embutida na veiculação de pornografia

Trata-se de mera questão de coerência e consciência. Tal e qual os avisos em cigarros que nos chamam atenção aos indiscutíveis malefícios do fumo, poderíamos ser alertados sobre os malefícios eventuais das mulheres.

Ainda que desagradável, ser lembrado dos indesejados acessórios de fábrica femininos é sempre útil para escapar de uma roubada. Especialmente uma roubada que acontece todo mês: a TPM.

Como o título deste artigo subliminarmente anuncia, este é um texto sobre a famigerada TPM, a tal “tensão pré-menstrual” que nós também conhecemos como “Temporada Psicótica Mensal” ou “Tenta Pondo Mordaça”. Aqueles malditos dias vermelhos do ciclo fecúndeo das fêmeas em que estas se tornam criaturas vis, histéricas e absolutamente paranóicas.

tpm04

Não acompanha manual de instruções

A TPM é um conjunto de sintomas físicos e comportamentais que ocorrem na segunda metade do ciclo menstrual, uma desordem neuropsicoendócrina com sintomas que afetam a mulher na esfera biológica, psicológica e social – e por “esfera social”, trate de entender, inclusive, o aspecto sexual. É uma verdadeira avalanche hormonal que irá transformar mensalemente a sua meiga princesa encantada em uma malévola megera desvairada.

Pode-se identificar um espécime feminino atravessando tal período maligno quando você se vê obrigado a limitar suas respostas em monossílabos vagos e imprecisos durante qualquer tipo de diálogo estabelecido, para evitar deturpações interpretativas no seu discurso e garantir um leque variado de saídas argumentativas ao tentar escapar das investidas psicóticas da patroa.

tpm05

Se com uma já dá tanto trabalho, imagine encarar uma TPM à tróis

Resumindo: é um saco. Você convida a fémme fatale pra uma private num motel inexperimentado e acaba tendo que se explicar sobre a recepcionista saber o seu nome – e a sua suíte preferida. E esta ainda é a parte mais amena das reações fisiológicas à iminência da menstruação.

Insuportável mesmo é quando ela resolve se auto-conceder poderes de veto sobre a sua lista de amigos que virão assistir ao jogo do Flamengo na cervejada de domingo à tarde. Geralmente só passam na peneira os respectivos acompanhantes das amigas dela. E você não pode em hipótese alguma contrariar as decisões tirânicas da imperatriz. Não durante a TPM.

tpm06

Penetrar no universo feminino pode ser eletrizante

É por essas e outras que o TRETA defende a pornografia socialmente responsável. Chega de iludir os ingênuos adolescentes onanistas com a insinuação de que as mulheres são todas gostosas, ninfomaníacas e estão sempre prontas para atender às suas fantasias sexuais.

Mulheres são, sim, criaturas maravilhosas – desde que não estejam naqueles dias. São flores perfumadas nos jardins de nossas vidas, que nos encantam diariamente com a sua delicadeza, seu perfume, sua sensualidade e até mesmo com sua incapacidade de abrir um pote de palmito em conserva. Algumas são ainda mais encantadoras e apaixonantes, como as órfãs e as mudas, mas todas têm em comum a maldição sangrenta da TPM.

Portanto, nada de fotografias imprudentes contendo (SR. HYPE MODE: ON) ninfetas gostosas peladas, nuas, sem roupa e sem-calcinha em poses provocantes e sensuais (SR. HYPE MODE: OFF). Todos temos de colaborar com a formação dos jovem adeptos a fazer justiça com as próprias mãos, especialmente no que diz respeito a ensiná-los que as mulheres de carne e osso podem ser elementos de alta periculosidade.

tpm07

Tome sempre muito cuidado com as farpas de uma mulher em TPM

Vamos enviar uma proposta de emenda constitucional ao Congresso que estabeleça algum tipo de advertência obrigatória à exibição de pornografia, mencionando não só a questão da TPM, mas também alertando sobre a provável existência de sogros, cunhados, histórico sexual e inaptidão para estacionamento. A indústria da pornografia possivelmente irá se articular para impedir a vitória do dispositivo normativo, mas esperamos conseguir fazer com que a comoção nacional por transparência e ética supere os torpes interesses econômicos burgueses.

Sonho que se sonha junto é realidade! Quem sabe um dia então consigamos fazer passar a lei que proíbe de vez a Tensão Pré-Menstrual, sob qualquer alegação. Esta causa também é sua! Vamos à luta!

Ou então passe o resto dos seus 28 dias explicando pra patroa que você não quis dizer aquilo com o intuito de magoá-la…


 

Nenhum comentário