Dizem que a arte é o portal que revela a alma humana. Vale a reflexão provocada por esta galeria impressionante de pinturas realizadas por pessoas com problemas psiquiátricos:


Trabalho apresentado em Miami, em uma galeria com criações de doentes mentais.


George Grosz era um soldado alemão que sofria de alucinações traumáticas devido a sua participação em uma guerra de 1914.


Trabalho de um russo perturbado.


“Melancolia”, de Munch.


Eugene Andolsek criou desenhos como estes usando um compasso, régua, e um conta-gotas de colírio para adicionar cores.


Louis Wain era um homem que sofria de esquizofrenia e que adorava desenhar gatos.

louis-wain
Wain também adorava especialmente desenhar gatos envolvidos em atividades humanas.


Outro trabalho também de russo com problemas mentais.


Relembrando um abuso do passado.


O cérebro e o coração são a mesma coisa.


Autorretrato.


“O Leito de Morte”, ilustra temores de um paciente.


Belo esboço…


“The Ghost of Madness”


Gato desenhado por um paciente russo com problemas mentais.


A menina e as rosas.


Uma descrição muito estranha de uma mulher dormindo.


Uma colagem de rostos de mulheres neste desenho feito com caneta.


A versão sinistra de “Goodnight Moon”


Facas, cobras e crianças rindo compõem o rosto deste desenho.

– – –

Kibeline: Iconoclastia > Canna Club


 

81 comentários