Alguns grandes coadjuvantes do futebol brasileiro andaram colocando as asinhas de fora em busca de uma ponta na Copa do Mundo de 2014, mas as cidades principais foram decididas, ironicamente, ao estilo Dunga: por coerência. O mais importante já estava decidido há algum tempo – a finalíssima não poderia ser em outro estádio além do Maracanã – e pra ser mais específico, eu diria que esta decisão data de 1950.

Em reunião com o prefeito e o governador de São Paulo, a CBF bateu o martelo e anunciou que a abertura da Copa do Mundo no Brasil será no novo estádio do Corinthians, em Itaquera, a ser construído em parceria entre o clube e a empreiteira Odebrech, ao custo estimado de 300 milhões de reais, com capacidade mínima de 60 mil pessoas.

Num furo de reportagem exclusivo, o TRETA teve acesso ao projeto do estádio em 3D:

estadio.corinthians.2014

Fontes confiáveis também confirmaram a vinda da seleção da Coréia do Norte para treinar nos estádios do Espírito Santo, por ordem de Kim Jong-Il.

– – –

Fonte: Folha.com


 

6 comentários